Afinal a vida foi,é...e será sempre um desafio na sequência sólida de percorrer caminhos que se ajustem à reflexão equilibrada e tolerante, onde os projetos nunca acabem, e se definam cada vez mais naquilo que queremos ser, e não no que os outros querem que nós sejamos...
Perceber que refletir e concluir são atos que não podem estar confinados apenas ao reflexo daquilo que experimentamos sozinhos, ou obcecadamente vemos nos outros,caindo assim na tentação de criar verdades absolutas agarradas a pressupostos com falta de equilíbrio identificativo da nossa própria vontade...
Não podemos nem devemos querer para os outros aquilo que foram momentos nossos,e ajustados apenas e só para nós próprios...
Fazer crescer é educar e tentar ser amigo,é procurar limar com valores acrescentados os passos próprios de uma imaturidade pela qual quando jovens naturalmente passamos,e ou se está bem atento,ou então ficamos apenas por nossa conta,e isso pode ser muito perigoso...
Sinto sinceramente que os "meus" me olham com a admiração de quem foi livre de escolher o seu próprio caminho,com responsabilidade e dispensando cópias comportamentais,mas entendendo que a partir de uma "base experimentada" também podemos ramificar genuinamente o nosso próprio"eu"...
Só se vive uma vez,e tirar originalidade a um ser,é limitar as emoções que estavam reservadas para cada um,e isso eu penso que não é justo...

Custódio Cruz

Aprender com a nossa sombra,e fixar os olhos em outras...

Aprender com a nossa sombra,e fixar os olhos em outras...

sábado, 19 de fevereiro de 2011

Dois figueirenses...no futebol profissional europeu...


Amanhã:

Jogo entre equipas do "topo da tabela" do Futebol Profissional do Chipre...

Othellos Athienou / Aris (Sérgio Grilo contra João Comboio)

Pois é...
Já o disse milhentas vezes...os meus ex.Jogadores de futebol são parte do ar que respiro...não sou capaz de os esquecer...e jamais os dispenso da memória gratificante com que os recordo nos momentos inesquecíveis...em que exerci a função de alguém que se esforçou ao máximo para lhes transmitir algo que os ajudasse a ser mais jogadores e melhores seres humanos...
Estou sempre louco por saber...onde estão e o que fazem...como pensam e como vivem...estejam eles num campeonato de futebol...ou no desafio difícil da vida...
Soube que amanhã em terras cipriotas se defrontam desta vez em equipas opostas...o defesa João Comboio da Quinta do Paço...e o Sérgio Grilo do Casal da Areia...
Isso mesmo...dois genuínos figueirenses...que seguiram o futebol profissional...e ainda não desapareceram do panorama futebolístico...andam lá...são titulares...e ganham a vida com o sonho que eu ajudei a alimentar...
Outros seguiram caminhos de vida que hoje os fazem felizes...mesmo que do pontapé da redondinha se tenham afastado...e outros o haverá de certo... a quem nem tudo corre como seria de desejar...
Agora o que tenho a certeza...é que onde quer que estejam os meus pupilos...acreditem está parte do meu anseio em concretizar felicidade...em sentir o quanto vale a pena na vida sonhar...e fazer o que se gosta...da forma como um dia se idealizou...
Boa sorte Sérgio Grilo e João Comboio...
E um grande abraço para todos os outros(MUITOS...) meus eternos jogadores...

A saudade não mata...mas aperta o coração...