Afinal a vida foi,é...e será sempre um desafio na sequência sólida de percorrer caminhos que se ajustem à reflexão equilibrada e tolerante, onde os projetos nunca acabem, e se definam cada vez mais naquilo que queremos ser, e não no que os outros querem que nós sejamos...
Perceber que refletir e concluir são atos que não podem estar confinados apenas ao reflexo daquilo que experimentamos sozinhos, ou obcecadamente vemos nos outros,caindo assim na tentação de criar verdades absolutas agarradas a pressupostos com falta de equilíbrio identificativo da nossa própria vontade...
Não podemos nem devemos querer para os outros aquilo que foram momentos nossos,e ajustados apenas e só para nós próprios...
Fazer crescer é educar e tentar ser amigo,é procurar limar com valores acrescentados os passos próprios de uma imaturidade pela qual quando jovens naturalmente passamos,e ou se está bem atento,ou então ficamos apenas por nossa conta,e isso pode ser muito perigoso...
Sinto sinceramente que os "meus" me olham com a admiração de quem foi livre de escolher o seu próprio caminho,com responsabilidade e dispensando cópias comportamentais,mas entendendo que a partir de uma "base experimentada" também podemos ramificar genuinamente o nosso próprio"eu"...
Só se vive uma vez,e tirar originalidade a um ser,é limitar as emoções que estavam reservadas para cada um,e isso eu penso que não é justo...

Custódio Cruz

Aprender com a nossa sombra,e fixar os olhos em outras...

Aprender com a nossa sombra,e fixar os olhos em outras...

quinta-feira, 24 de junho de 2010

118ºAniversário do Mercado Engenheiro Silva...Êxito ESTRONDOSO!..


Foram milhares os que durante todo o dia se associaram ás comemorações de aniversário da Sala de Visitas da Figueira da Foz,o Povo na verdadeira acepção da palavra deu o seu carinho e atenção para com aquele espaço que há 118 anos honra o nosso concelho...
Estrangeiros foram mais que muitos,que não receberam convite mas apareceram naturalmente,trazendo "batuques e uns instrumentos estranhos" que de tão sonoros e criativos serem nos encheram a alma de esperança,foram extraordinários os meus colegas concessionários e não só,que com uma unidade impressionante espalharam o charme próprio de quem sabe receber com a humildade e a pureza de sentimentos...
Estou emocionado,porque há muito não vejo ninguém conseguir unir uma população por uma causa justa,daqui para a frente temos o Plano B,ou seja aquele que só quem sabe lidar com ele pode tirar partido dele...
Nós também temos as nossas regras,as nossas estratégias,e melhor do que as ter é acreditar nelas...
Sabemos que podemos cair muitas vezes,mas levantar-nos-emos as vezes necessárias para conseguir os nossos objectivos...
Obrigado concelho da Figueira pela presença e solidariedade,agora estamos mais fortes para continuar a pugnar pelos nossos ideais que afinal de contas são o estado de alma de uma cidade e mais que provado ficou:
De um Concelho...
O Mercado da Figueira é o que é,e não aquilo que querem que ele seja...
E mesmo sabendo que depois de "mexerem" no mercado nunca mais vai ser a mesma coisa,quero e queremos lutar "até à ultima gota" defendendo o coração,a emoção e expontaneidade na forma de cultura que só é alicerçada pelo povo,sem conceitos aritméticos,matemáticos e rectilíneos,que assumem a frieza dos números e "vestem a alma do diabo"...
Por mim seria só mais uma causa que gostaria de ver ganhar...
Mercado Engenheiro Silva,sempre e para sempre...