Afinal a vida foi,é...e será sempre um desafio na sequência sólida de percorrer caminhos que se ajustem à reflexão equilibrada e tolerante, onde os projetos nunca acabem, e se definam cada vez mais naquilo que queremos ser, e não no que os outros querem que nós sejamos...
Perceber que refletir e concluir são atos que não podem estar confinados apenas ao reflexo daquilo que experimentamos sozinhos, ou obcecadamente vemos nos outros,caindo assim na tentação de criar verdades absolutas agarradas a pressupostos com falta de equilíbrio identificativo da nossa própria vontade...
Não podemos nem devemos querer para os outros aquilo que foram momentos nossos,e ajustados apenas e só para nós próprios...
Fazer crescer é educar e tentar ser amigo,é procurar limar com valores acrescentados os passos próprios de uma imaturidade pela qual quando jovens naturalmente passamos,e ou se está bem atento,ou então ficamos apenas por nossa conta,e isso pode ser muito perigoso...
Sinto sinceramente que os "meus" me olham com a admiração de quem foi livre de escolher o seu próprio caminho,com responsabilidade e dispensando cópias comportamentais,mas entendendo que a partir de uma "base experimentada" também podemos ramificar genuinamente o nosso próprio"eu"...
Só se vive uma vez,e tirar originalidade a um ser,é limitar as emoções que estavam reservadas para cada um,e isso eu penso que não é justo...

Custódio Cruz

Aprender com a nossa sombra,e fixar os olhos em outras...

Aprender com a nossa sombra,e fixar os olhos em outras...

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Eu e o meu instinto emocional,o Mercado da Figueira e as quedas previstas...






Com um piso propenso a quedas,quando molhado,e até com gelo espalhado inadvertidamente,com a sinalética mal orientada,e com o Zé pelo vinho na "tasca",lá se aventurou a senhora idosa num caminho que a levasse tranquilamente até a uma das saídas deste espaço,mas o certo é, que em um estrondo se virou de pernas para o ar,bateu com a cabeça no chão,e mais não se levantou.
Correram os mais solidários,já outros prefeririam ver ao longe,e inteirarem-se da saúde no dia seguinte,e quando a viram,enquanto isso,quem a rodeou,mostrou preocupação e prontamente alertou o INEM.
Viveram-se momentos aflitivos,e os comentários soltavam-se em perspetivas complicadas de ouvir e sentir,a senhora  estatelada em cima da água, manifestava convulsões de medo,e foi aqui,que pedi aos presentes que se amparasse quem estava mal,mas também contendo-se em comentários rodeados de um terror que estaria a perturbar a vítima.
De seguida, fitei-a nos olhos,e comecei estrategicamente a tentar virar-lhe a mente,artificializei um rosto mais optimista,e pedi-lhe que olhasse para mim,soltando de seguida admiração por uma "...melhoria notória...",que não estava por lá,mas interessava como contraponto à aflição que a rodeava.
Repeti algumas vezes,"...há...já está melhor,e até a perceber o que lhe estou a dizer...",de seguida,continuei..."já movimenta a cabeça,e já olha para mim a sorrir..." e finalizando..."...que bom.....
Nisto surgiram os paramédicos,a ambulância estava pronta para a levar para o Hospital,e aí,afastei-me em silêncio,pedindo a Deus que tomasse conta dela...
Mas isto foi no Sábado,e hoje Domingo,e depois de ir ao Café beber um descafeinado,voltei para o meu módulo,e entretanto,vejo uma senhora idosa entrar no espaço,sorrindo,e dizendo-me efusivamente:
"...Estou aqui,a olhar para si e a sorrir...",agradecendo-me a preocupação interventiva,e adiantando,que me viu passar,e me reconheceu,elogiando o meu gesto,e complementando,que gostou do que lhe disse naquele momento tão difícil,idealizando aquilo que deviria ser,mas nem sempre o é,de que "...temos que ser uns para os outros...".
Fiquei contente por a ver bem,mas mais ainda,por um agradecimento que não era preciso,mas me fez refletir mais uma vez também naquilo pelo que tanto luto,e assim,se justifica que ajude a alimentar para bem do mundo.
Em tempos de pouca vontade para sorrir,fui "apanhado" por alguém que me encheu o coração,e revitalizou a esperança de nunca desistir...


Custcruz